RESENHA // Doctor Who

ATENÇÃO: Esse artigo contém spoilers sobre a trama de Doctor Who (“Série Nova” – BBC – 2005)

Hoje em dia é difícil estar envolvido em Fandoms (Fan -> Fã + Kindom -> Reinos / Grupos de fãs de determinado séries e sagas) e não ter tropeçado uma ou duas vezes Doctor Who.

Antes de tudo, é preciso lembrar que Doctor Who é um conceito antigo e muito amplo (A primeira série televisiva estreiou em 1963 e a série de livros foi publicada em 1991 para acompanhá-la) e esta resenhar é apenas uma introdução ao que chamamos de “série nova” da BBC, que envolve a 9ª, a 10ª e a 11ª regenração do Doctor. (Como chamá-lo de Doutor é muito estranho para mim, peço a licença para chamá-lo de Doctor).

Ainda nessa primeira introdução, sinto-me na obrigação de frisar: O nome do Doctor não é Who. Ele é chamado de Doctor e, em inglês, as pessoas lhe perguntam: “Doctor Who?” (Doutor Quem?) no intuito de querer saber o sobrenome do tal doutor ao que ele responde: “Just Doctor” (Somente doutor).

Mas quem é o Doctor?

Doctor é um alienígena, um Senhor do Tempo (Também pode ser traduzido como Lorde do Tempo) , de uma raça humanóide – porém com dois corações – de viajantes temporais. Eles viajavam em naves formidáveis chamadas T.A.R.D.I.S. (Time And Relative Dimension(s) in Space -> Tempo e Dimensões Relativas no Espaço). Estes seres, se seriamente feridos, se regeneram em um novo corpo. Sua aparência muda completamente e sua personalidade se altera de forma mais suave, mas ainda assim perceptível.

A série nova começa na 9ª regeneração do Doctor, dando sequência à série clássica. Ele é interpretado por Christopher Eccleston. Todos os Doctors (pelo menos os novos) têm companheiros (companions) e, Rose Tyler é o primeiro deles (Interpretada por Billie Piper). O Doctor a leva para ver o universo e as diversas épocas nele.

Depois, o sombrio 9º Doctor é substituído pelo alegre e atormentado (se é que é possível ser os dois ao mesmo tempo) 10º Doctor, o unânime favorito (David Tennant). Além de Rose, Mickey (Noel Clarke), Donna (Catherine Tate), Martha (Freema Agyeman) passam pela T.A.R.D.I.S. com o título de companions.

Logo após, conhecemos o brincalhão 11º Doctor que, por sua vez, adota Amy (Karen Gillian) e Rory (Arthur Darvill). Recentemente, o Doctor alcançou sua 12ª regeneração e, apesar de já termos fotos, a temporada ainda não estreiou.

Além dos cativantes e divertidos Doctors e dos exóticos companions, encontramos diversos alienígenas através das temporadas. 4 merecem destaque: Daleks, Cyberman, The Silence e The Weeping Angels.

Não há tradução para Daleks. São polvos gelatinosos bíblicos que passamos a vida em armaduras seladas e quase indestrutíveis de Dalekenium, um elemento existente em seu planeta natal. Eles se envolveram numa guerra com os Lordes do Tempo que levou ambas as raças – teoricamente – à extinção. Apesar disso, os inimigos mortais do Doctor sempre dão um jeito de reaparecer. Possuem a característica voz robótica e constantemente repetem: EX-TER-MI-NA-TE (Exterminar). Eles são cheios de ódio e dotados de pouca ou nenhuma criatividade.

(Perguntinha para os Whovians: Se os Daleks não têm criatividade, porque os da 7ª temporada tem cores? Quem escolhe as cores?)

Em português, conhecemos os Cyberman como Ciborgues (Meio humanos e meio máquinas). Eles foram criados pela humanidade em um universo alternativo e, de alguma maneiram conseguiram escapulir para o nosso lado da realidade. Assim como os Daleks, os Cyberman possuem uma voz de robô, mas suas frases de efeito são Delete (Deletar) ou You Will Be Upgraded (Você será aprimorado/atualizado).

The Silence (O Silêncio) são uma raça que habita a Terra desde muito antes da humanidade. Têm a forma marciana (Cabeça e olhos grandes, exceto a pele verde) e usam ternos. Como ninguém nunca os nota? No momento em que você deixa de olhar para eles, esquece que ele estivessem lá.

(Dica para futuros companions: Ao ver um Silence, marque a pele com com uma caneta. Assim, vai saber que os viu).

Por fim, os meus favoritos: The Weeping Angels (Anjos Chorões, em português).

Não. Pisque.

Não leia isso. Não pare de olhar para ele.

Se parar, está perdido.

Os Anjos Chorões possuem o maior sistema de camuflagem do universo. Quando alguém está olhando, eles se transformam em rocha. Mas, no momento em que se desvia os olhos, ele dá o bote. São chamados Anjos Chorões porque cobrem os olhos para que não transformem uns aos outros em pedra, dando a impressão que estão chorando.

Anjos Chorões se alimentam de energia temporal. Quando alguém viaja no tempo, há a liberação de energia temporal. Quando te tocam, os Anjos te enviam ao passado e se alimentam da energia que isso gera.

Ah, e um detalhe que esqueci! Tudo o que toma a forma de um Anjo se torna um Anjo. Sabe aquela foto lá em cima? Está prestes a te mandar para 1864. E o reflexo dele nos seus olhos? Se alguém olhar neles, pode ir parar em 1928.

Boa sorte, viu?

Além desses há mais: Slitheen, Soltaran, Ood, Vashta Nerada, entre outros.

Doctor Who é o completo oposto de Once Upon a Time. Enquanto em um só existe magia e nenhuma explicação científica, no outro só existe ciência e nenhuma magia.

Doctor se torna, aos poucos, um amigo querido e você começa à vê-lo e às suas aventuras em tudo o que você faz. Você entende sua solidão por ser o último Senhor do Tempo, por ter escapado vivo quando todos os seus morreram e você o perdoa por seus erros, porque sabe que ele faz o melhor que pode. Você sente o amor dele por emoção, liberdade e por seus companheiros, de modo que é difícil deixá-lo até que assista tudo o que puder sobre ele.

RECOMENDO aos amantes de ficção científica e amantes de História. Tem para todos os gostos, meninos e meninas, jovens e idosos!

Allons-y, Alonso!

E aí? O que achou? Conta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s